Vazamento de Informações

Vazamento de informações

Vazamento de informações: conheça os principais riscos!

  • 13 outubro 2022

Vazamento de informações: conheça os principais riscos!

O vazamento de informações é um dos maiores pesadelos que uma empresa pode vivenciar. Isso porque esse tipo de incidente expõe os dados do negócio e de seus clientes, podendo causar danos irreparáveis para ambos. Dessa forma, é imprescindível investir em cibersegurança, o que significa adotar práticas e ferramentas que ajudem a proteger os seus dados de ataques virtuais.

De multas ao impedimento de suas operações, esses são apenas alguns dos riscos para empresas que têm os seus dados vazados. Estar a par dessas consequências é fundamental para aumentar a conscientização e proteção das informações que circulam pela sua rede. 

Quer saber mais sobre o assunto? Neste post, vamos mostrar os principais riscos relacionados ao vazamento de informações. Confira!

Quais são os principais riscos do vazamento de informações?

O vazamento de informações pode ser definido como uma ação planejada por cibercriminosos. Eles têm como finalidade acessar e expor dados de uma empresa, de forma não autorizada. Entenda, a seguir, quais são os riscos gerados por esse incidente.

1. Multas referentes à LGPD

A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) foi implementada no Brasil em agosto de 2020. Ela determina que todas as empresas devem cumprir uma série de regras relacionadas à coleta, tratamento, armazenamento e exclusão de dados pessoais. Por exemplo, nome, número de documentos, endereço, e-mails, entre outros.

As companhias que forem flagradas descumprindo a LGPD estão sujeitas a punições que incluem advertência e multa de 2% sobre o seu faturamento anual. Ela ainda pode chegar ao valor máximo de R$ 50 milhões.

Dependendo da gravidade da situação, a empresa ficará impedida de forma parcial ou completa de continuar operando os seus negócios.

2. Mancha na reputação

Construir uma boa imagem no mercado demanda anos de muito trabalho e investimento financeiro. O vazamento de dados representa um grande escândalo para qualquer empresa, causando uma mancha na sua reputação. Consequentemente, a perda de credibilidade junto aos seus clientes.

Dessa forma, o que você demorou anos para construir pode sofrer um abalo difícil de reverter, após um incidente que envolva o vazamento de dados. Situações como essa transmitem insegurança para os seus clientes e parceiros, fazendo com que deem preferência para concorrência.

3. Perda de informações relevantes

As operações executadas por uma organização geram um grande volume de dados, o que compreende informações relevantes e sigilosas. Por exemplo, ganhos financeiros dos negócios, dados pessoais de clientes e colaboradores, além de projetos que ainda estão em fase de desenvolvimento.

Ao invadir os sistemas da empresa, os cibercriminosos podem acessar todos esses dados e sequestrar ou roubar para vender no mercado ilegal. Tal situação traz uma grande dor de cabeça para a companhia, já que ela será penalizada pelo uso inadequado dessas informações. Sem falar que a perda de acesso aos dados também compromete a realização e produtividade dos seus processos.

4. Exposição à extorsão e chantagem

Um dos principais tipos de ataques realizados pelos hackers é o ransomware. Ele consiste na instalação de um programa malicioso na máquina do usuário. Esse software bloqueia o acesso aos dispositivos e aos dados que neles estão armazenados.

Para devolver os dados sequestrados, os hackers passam a extorquir e chantagear a empresa. É comum que exijam uma determinada quantia em moeda virtual para não serem rastreados. Porém, na maioria dos casos, mesmo quando a vítima paga a quantia solicitada, o acesso aos dados não é liberado.

Como evitar o vazamento de informações sigilosas?

As consequências do vazamento de informações podem ser devastadoras para a sua empresa e, em alguns casos, levá-la à falência. Nesse sentido, é crucial adotar medidas que evitem o vazamento dos dados coletados e armazenados pela organização.

Veja, a seguir, como isso pode ser feito na prática.

Conheça seus ativos digitais

O primeiro passo para se precaver contra as ameaças disseminadas pelos cibercriminosos é conhecer todos os seus ativos digitais. Portanto, analise quais são as suas aplicações, seus processos, serviços e produtos que possam apresentar alguma vulnerabilidade e servir de brecha para invasores.

Dessa forma, você entenderá como funciona a sua infraestrutura digital. A partir daí, criar uma estrutura de proteção eficiente e que cubra todos os pontos vulneráveis. Isso inclui adotar ferramentas que sejam compatíveis com os seus sistemas.

Oriente os colaboradores sobre boas práticas

Após conhecer a sua real infraestrutura digital, é hora de criar uma política de segurança da informação. O ideal é desenvolver uma cultura integrada. Ela deve ser composta por políticas que garantam a inovação interna dos seus negócios e a proteção dos seus sistemas e dados.

Algumas das principais práticas para manter os seus dados protegidos são:

  • ter controle de acesso aos dados;
  • evitar o compartilhamento de senhas;
  • definir senhas complexas;
  • compartilhar arquivos somente por meio de plataformas seguras;
  • fazer backups com frequência;
  • utilizar tecnologia de proteção;
  • treinar seus colaboradores para entendimento quanto aos tipos de ciberataques por meio de mensageria (phishing).

Entre os principais desafios da segurança de dados dentro das organizações está o comportamento de seus funcionários. Não basta apenas criar uma boa política de segurança da informação, é necessário colocá-la em prática. Para isso, a empresa deve orientar e treinar os seus colaboradores. Assim, evitarão comportamentos que possam expor os dados do negócio à ação de cibercriminosos.

Use a tecnologia a seu favor

A tecnologia é uma poderosa aliada para combater as ameaças digitais e o vazamento de dados. É preciso contar com bons programas de antivírus e firewall, que ajudem a bloquear as tentativas de invasão. Dessa forma, impedem que os hackers cheguem até o local em que os dados estão armazenados.

Outro ponto importante é recorrer ao uso de ferramentas tecnológicas modernas e atualizadas. Por exemplo, os servidores em nuvem, que oferecem a criptografia dos dados da empresa. Ou seja, os torna ilegíveis diante do acesso de pessoas não autorizadas. Os servidores em nuvem também podem realizar backups automáticos diariamente, reduzindo consideravelmente as possibilidades de perdas de dados.

Como a SoftwareONE pode ajudar?

Se adaptar à transformação digital é uma questão de sobrevivência para as empresas da atualidade. No entanto, algumas das novas ferramentas adotadas podem abrir brechas para a ação de cibercriminosos. Nesse cenário, a SoftwareONE oferece serviços de segurança gerenciada. Orientamos as organizações a melhor supervisionar e administrar os seus processos e, assim, mitigar ameaças digitais.

No serviço de migração para a nuvem, por exemplo, nós fazemos uma análise aprofundada dos seus ativos de TI. A partir daí, identificamos potenciais erros de governança e apontamos as melhores soluções para corrigi-los. Disponibilizamos conhecimentos e ferramentas adequadas para que você torne a sua TI mais estratégica e protegida.

Como você pôde perceber, o vazamento de informações pode sair muito caro para a sua empresa. Afinal, gera multas com valores altíssimos, impede a realização de suas operações e afeta a sua credibilidade no mercado.

A melhor forma de evitar esse pesadelo é aumentar a proteção do seu ambiente digital. Para isso, basta ter ferramentas que garantam a segurança do seu negócio e profissionais altamente qualificados para operá-las.

Quer ampliar a segurança de dados da sua empresa?

Agora que você já conhece os riscos dos vazamentos de informações, que tal aumentar a proteção da sua TI?

Entre em contato com a SoftwareONE agora mesmo!

Comente esse artigo

Deixe seu comentário para sabermos o que você achou desse assunto.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Teste Gestão de Ativos
  • 21 novembro 2022

Gestão de Ativos de TI: confira seu nível de maturidade.

O teste de maturidade em gestão de ativos de TI permite à sua empresa analisar melhor seu parque de softwares para tomadas de decisões mais assertivas.

Trabalho em equipe jovem e moderno usando computador no escritório de coworking criativo - Empresários trabalhando juntos no novo projeto de aplicativo - Foco no rosto da mulher esquerda - Tecnologia, influenciador, marketing e conceito de trabalho
  • 11 novembro 2022

Aprenda a otimizar seus processos com o AppsSheet

Ao automatizar os processos da sua empresa, você pode adquirir vários benefícios e garantir a competitividade. Saiba como fazer isso utilizando o AppsSheet!

MTWO Construction Cloud
  • 26 outubro 2022
  • Equipe de Redação
  • Construção, MTWO Construction Cloud
  • MTWO, construction, Sustentabilidade

First Steps Toward Decarbonizing Construction

Decarbonization plays an essential role in slowing down climate change. In construction, it is critical to tackle this challenge throughout the entire project lifecycle.