Cibersegurança

Tendências de cibersegurança para os próximos anos

Cibersegurança: fique por dentro das tendências e novidades!

Que a tecnologia está cada vez mais presente nas empresas não é novidade para ninguém. Tampouco que os recursos como a inteligência artificial e a computação em nuvem são um caminho sem volta e, quem não investir neles, será ultrapassado pela concorrência.

Outro assunto que tem ganhado a devida importância é a cibersegurança. As empresas estão cada vez mais conscientes de que, assim como instalam alarmes e sistemas de monitoramento para prevenir ataques em sedes físicas, também devem se proteger nos ambientes online, garantindo a segurança da informação.

Você já parou para pensar se a sua empresa está realmente segura nos ambientes digitais? E, mais do que isso, seu negócio acompanha as constantes inovações do mercado de tecnologia da informação? Confira a seguir as novidades de segurança que devem permear as corporações de agora em diante.

 

Principais inovações de cibersegurança

O cibercrime já é uma realidade atualmente e cada vez mais criminosos estão se aperfeiçoando em crimes digitais, como a invasão a sistemas das empresas. Com informações sigilosas em mãos, como protótipos de novos produtos, esses hackers podem causar dano chantageando a organização com extorsões para não vazar os dados.

Por isso, é fundamental que as organizações se cerquem de medidas protetivas que evitem que esses crimes aconteçam. Se a sua empresa quer fugir dessas ameaças, é preciso estar atento às inovações de cibersegurança para manter o seu negócio atualizado e protegido.

 

Confira as principais tendências de cibersegurança:

  • Consolidação de fornecedores
  • Segurança em primeiro lugar na identidade
  • Gerenciar identidades de máquina como um recurso de segurança crítico
  • Trabalho remoto agora é apenas trabalho
  • Técnicas de computação que aumentam a privacidade
  • Simulação de violação e ataque

 

Novas ferramentas apoiam a segurança das corporações

No contexto de garantir a proteção dos dados das organizações, duas ferramentas ganharam papéis ainda mais importantes: o pentest e análise de vulnerabilidades, as quais fazem parte da tendência de simulação de violação e ataque. Essas ferramentas ajudam a identificar imediatamente os problemas no que diz respeito à eficácia dos controles de segurança da informação, problemas de configuração e capacidade de detecção.

O pentest, também conhecido como teste de invasão, é uma prática de cibersegurança que adota o ponto de vista do invasor. Em outras palavras, o pentest estabelece um alvo e tenta alcançá-lo de alguma forma: pode ser um servidor a ser invadido ou uma aplicação a ser tirada do ar, por exemplo. Para invadir um servidor, é possível recorrer a um software que identifique a força das senhas com o objetivo de apontar as que oferecem menor resistência ao ataque. Buscar fontes de senhas vazadas ou toolkits de ataque a sistemas operacionais específicos também podem ser estratégias úteis. Este é um processo recorrente e em geral executado nas empresas anualmente.

Já a análise de vulnerabilidades é uma prática de cibersegurança utilizada para identificar falhas e possíveis riscos na empresa. Seu foco principal envolve mapear os possíveis caminhos pelos quais o cracker (criminal hacker) pode invadir ou afetar de alguma maneira os dados de um servidor. Para tanto, a equipe especializada gera uma documentação na qual são listados os níveis de ameaça, as possíveis rotas de acesso e suas respectivas correções para estruturar um planejamento de correção. É um processo de recorrência média, que em geral as empresas executam a cada trimestre ou a cada semestre.

A principal diferença entre essas duas ferramentas é que o pentest oferece uma abordagem do ponto de vista do atacante, escolhendo uma única ou poucas rotas para tentar superar os obstáculos ou encontrar alternativas para alcançar o objetivo, enquanto a análise de vulnerabilidades tem uma abordagem mais defensiva, na qual a equipe especialista faz varreduras mais amplas que mapeiam riscos e listam eventuais caminhos de ataque.

 

Como a SoftwareONE pode ajudar nesse sentido?

Não dar a devida atenção à segurança digital da empresa é um erro que deve ser evitado. Para evitar problemas de cibersegurança, é necessário contar com parceiros de renome no mercado, como a SoftwareONE.

Somos uma empresa que comercializa softwares e sistemas para o gerenciamento, a organização e a segurança das informações. Trabalhamos com os melhores programas de segurança do mercado e, nessa jornada em prol da segurança do seu negócio que demanda grande expertise, é essencial contar com o apoio de profissionais de cibersegurança especializados para realizar esse procedimento com a devida eficácia.

Tudo isso vai garantir a segurança adequada para a infraestrutura tecnológica da sua empresa e, consequentemente, maior tranquilidade para o seu negócio!

Comente esse artigo

Deixe seu comentário para sabermos o que você achou desse assunto.

Deixe um comentário

Autores

igor-valoto

Igor Valoto

Solution Sales Security

Technology Transformation

Artigos relacionados

Getting Started with FinOps: Why Cloud Security is Your Step Zero | SoftwareONE Blog
  • 31 maio 2021
  • Bala Sethunathan
  • FinOps, Segurança Gerenciada, Nuvem Gerenciada, Gestão de custos de nuvem, cloud-security
  • PyraCloud

Começando com FinOps: Por Que a Segurança em Nuvem é Seu Passo Zero

Quer você esteja procurando controlar os custos decorrentes de cargas de trabalho em nuvem, fraude ou violações de dados, a segurança em nuvem é o importante passo zero antes de começar com o FinOps. Saiba mais.

creating-the-software-infrastructure-you-need

Criando a infraestrutura de software que as organizações sem fins lucrativos precisam para transformar vidas

Transformar sua infraestrutura de software pode ajudar sua organização sem fins lucrativos a fazer mais coisas boas com um custo menor. No entanto, existem algumas barreiras para limpar primeiro.

Implementing Artificial Intelligence

Começando sua jornada para implementar inteligência artificial

A inteligência artificial é muito mais simples do que você pode pensar. Descubra os benefícios e desafios da implementação de IA em sua organização.